(67) 3326 - 6081

Fundamental II


Guias de Orientação

Manual do Estudante 6ª à 9ª Série - parte 2


Continuando ...

 

X – RECREIO

 

-   Permite-se:

 

-  Comprar ficha na cantina antes do sinal de entrada e na hora do recreio, porém, só é permitido lanchar no recreio.

-  Jogar com a bola na quadra, respeitando o cronograma, encerrando-se o jogo dez minutos antes do término do recreio.

-  De acordo com a necessidade, a coordenação poderá suspender o uso da quadra no recreio.

 

-   Não se permite:

 

-  Jogar lixo (restos de lanche, papel, guardanapo, latinhas...) no pátio, corredores, escada, quadra e arquibancada.

-  Lanchar na quadra de esportes.

- Permanecer nas salas de aula, no saguão superior ou na escada durante o horário de recreio.

-  Fazer brincadeiras inadequadas à postura de estudante e ao ambiente escolar.

-  Transitar nos domínios da escola que não correspondem aos reservados às turmas de 6ª à 9ª série e sem autorização da coordenação.

-  Casais de mãos dadas, trocando beijos, abraços, sentando-se ou deitando-se nos colos.

 

Importante:

O recreio para as turmas da 6ª e 7ª série tem a duração de 20 minutos (entre 9h15 e 9h35). Nesse tempo, os alunos deverão comprar seus lanches, lanchar, usar o banheiro e beber água, evitando chegarem atrasados às aulas.

Obs.: O portão da escada estará fechado durante todo o horário do recreio.

-  As turmas da 8ª e 9ª série também têm vinte minutos de recreio (entre 10h e 10h20).

-  Ao soar o sino indicando o fim do recreio, se os alunos chegam à sala de aula depois dos professores, eles não podem entrar para assistirem à aula e esperarão no pátio externo até que soe o sino para a próxima aula. Nessa situação, os alunos devem apresentar-se à coordenação e justificarem-se. Se esse atraso acontecer por mais de uma vez, este aluno assinará uma ocorrência e seus responsáveis serão avisados.

 

XI – INSPETORIA DE ALUNOS

          São deveres dos inspetores de alunos (senhores Alison e Wilson e a senhora Naide) receberem os alunos nos horários de entrada (matutino e vespertino), permanecendo no portão, além de chamarem os alunos no horário de saída das aulas e das outras atividades escolares, zelarem pela disciplina geral dos alunos, em qualquer espaço da escola, fazerem a chamada, cobrarem o uso do uniforme, conferirem as presenças nos plantões de dúvidas, não permitirem a saída da escola sem autorização prévia dos responsáveis, encaminharem à coordenação as questões cujas soluções não lhes cabem, usando de boa educação no trato com os alunos e em posse de suas autoridades.

 

XII – MEIOS DE AVALIAÇÃO

 

        Os alunos serão avaliados diariamente e a todas as aulas, contam sua participação, seu capricho, organização e sua postura em sala de aula. A composição da nota pelo comportamento corresponderá a 20% da média final do bimestre.

1-  CTDA, caderno, tarefa, disciplina e assiduidade.

·        A nota sobre o caderno vale de zero a dois pontos.

Os cadernos devem estar organizados, com datas e pautas das aulas, registros completos, letra legível, tarefas benfeitas e as devidas correções.

·        Tarefas valem de zero a cinco pontos.

·        Disciplina vale de zero a dois pontos.

 

Os professores vistarão as tarefas e farão as devidas anotações em suas pautas. Na sexta-feira, a cada semana, a pauta de tarefas deverá estar completa. As orientadoras Andréa e Talita farão a conferência do desempenho dos alunos nas tarefas, ao encontrarem anotações de tarefas não-feitas, conversarão com os educandos a fim de que mudem de atitude. Se os alunos persistirem em não fazer as tarefas, as orientadoras procurarão seus responsáveis, participando a situação.

Os alunos serão avaliados de acordo com seu comportamento em sala de aula, pelo respeito que dedicam a professores e colegas, por evitarem brincadeiras e conversas inadequadas, além de comentários que sejam desagradáveis para outros alunos e atitudes que não condizem à postura de estudante. O aluno também será avaliado por seu envolvimento e interesse no decorrer de todas as aulas.

·        Assiduidade vale de zero a um ponto.

O aluno deverá ser assíduo a todas as aulas (matutinas e vespertinas); quando estiver doente, deverá apresentar atestado médico. É importante que não chegue atrasado para o início das aulas (a tolerância é de dez minutos) e que evite sair durante o período de aula se não for uma necessidade importante.

·        PHDT, participação, habilidade, disciplina e tarefa, apenas na disciplina de Informática.

2- Provas semanais e simulados: A composição destas notas corresponderá a 80% da média final do bimestre.

·        As provas semanais serão aplicadas às quartas-feiras, entre 13h50 e 15h20, compostas por questões objetivas e dissertativas, obedecendo sempre à seguinte ordem entre as disciplinas:

P1 – Língua Portuguesa e Geografia;

P2 – Ciências e História;

P3 – Língua Inglesa e Matemática;

P4- Geometria e Sociologia ou Filosofia;

P5- Arte e Informática (off-line).                            

O simulado proporá apenas questões objetivas, na quantidade de dez questões de múltipla escolha sobre cada disciplina. Corresponderá às provas P1, P2 e P3. A nota do simulado também terá peso 1 na composição da média final do bimestre.

•   Testes, trabalhos, rodas de leitura e a avaliação sobre o livro analisado na leitura compartilhada, além de outras atividades, farão parte da composição da nota com peso 1.

Obs.: As provas de Produção Textual, Informática (on-line) e Espanhol acontecerão durante as aulas no período matutino (conforme cronograma de cada turma).

 

XII – PROVAS

 

A correção das provas obedecerá aos seguintes critérios no desconto sobre a pontuação: Em Língua Portuguesa, a cada dois erros (ortográficos, de pontuação, acentuação ou rasuras), desconta-se um décimo; nas demais disciplinas, a cada quatro erros, desconta-se um décimo. Não é permitido o uso de corretivo.

-  As provas serão aplicadas a todas as quartas-feiras, entre 13h50 e 15h20.

-  Se o educando não chegar à sala de aula até as 14h, ele perderá o direito de fazer a prova. Na tarde destinada a provas não há aulas, os alunos devem vir à escola para fazerem a prova ou, se perderem o horário, eles devem vir para as atividades extracurriculares (oficinas, treinamentos esportivos, plantões etc.).

-  As provas serão elaboradas com questões objetivas e dissertativas. Os estudantes não podem entregar suas avaliações com questões em branco; se não sabem como se resolve uma questão proposta, eles deverão escrever “não sei fazê-la”.

-  Se um aluno for surpreendido colando durante a prova, o professor responsável recolherá a cola (quando possível) e a prova; portanto, nesta prova, este aluno ficará com nota zero.

-  Os estudantes não poderão sair da sala ao terminarem de responder as avaliações. Em silêncio, devem permanecer em seus lugares até que toda a turma finalize a avaliação. Permite-se que se leia o livro da roda ou outro livro da escolha dos alunos.

-  Os professores deverão entregar as provas corrigidas aos alunos em 15 (quinze) dias a partir da data da aplicação da avaliação. Apresentá-las aos responsáveis, participando seus resultados, é compromisso dos educandos.

-  Os alunos dispõem de 48 horas, após a entrega da prova corrigida, para reclamarem aspectos da correção ou da pontuação. Após esse prazo, perde-se o direito à revisão.

-  O estudante que faltar ao dia de prova, por doença ou qualquer outro motivo, fará a prova de segunda chamada, que é aplicada quinzenalmente, sempre às sextas-feiras, entre 14h e 15h30, por um membro da coordenação.

-  O aluno que não apresentar atestado médico para justificar sua falta deverá pagar a taxa de R$ 50,00 (cinquenta reais) por prova perdida de segunda chamada. Nenhuma prova será aplicada sem o pagamento, que deve ser efetuado com antecedência

 

XIV– RECUPERAÇÃO SEMESTRAL

 

-  A média anual são 7,0 (sete) pontos e o aluno que não alcançar esta nota, por bimestre, em cada disciplina, terá o direito de participar da aula de recuperação, realizando uma nova prova sobre o conteúdo programático do semestre.

-  As aulas e provas de recuperação serão ministradas ao fim de cada semestre e de acordo com o cronograma organizado pela coordenação.

-  O aluno tem direito à aula de recuperação dos conteúdos estudados no semestre. Essa aula é oferecida na semana que antecede a prova, no período vespertino. Nessa semana, não há aulas, plantões de dúvidas ou sala de tarefas.

-   A prova valerá de zero a dez, porém, a nota de recuperação valerá no máximo oito pontos, para substituírem a menor média do semestre (no primeiro ou segundo, terceiro ou quarto bimestre). Na prova de recuperação, mesmo se o aluno alcançar nota acima de 8,0 (oito) pontos, será considerada a média 8,0 (oito).

Importante:

Se o estudante não comparecer para fazer a prova de recuperação, será mantida sua média de cada bimestre.

 

XV - EXAME FINAL

 

-  Ao fim dos quatro bimestres, o aluno deverá alcançar o total de 28 (vinte e oito) pontos por disciplina. Se o total de pontos não for alcançado, ele terá direito de fazer o Exame Final, em apenas 05 (cinco) disciplinas.

Nas disciplinas de Língua Portuguesa (Interpretação e Análise Linguística, Leitura e Produção Textual) e Matemática (Álgebra e Geometria), aplicam avaliações independentes, sendo possível a reprovação de um educando em apenas uma das frentes.

No entanto, se o educando ficar de exame nas duas frentes dessas duas matérias, registra-se, para garantir-se seu direito ao exame, como apenas uma disciplina, considerando-se a norma que estabelece o seguinte: O estudante que não alcançar o total de pontos em mais de cinco disciplinas será reprovado automaticamente.

 

Importante:

-  Estará automaticamente reprovado o aluno que não alcançar os 28 (vinte oito) pontos em mais de 5 (cinco) disciplinas.

         -  A média do Exame Final são 6,0 (seis) pontos. Observa-se a seguinte fórmula: 

                                  

                                   Média anual x 3 + nota da prova de exame x 2 = 6

                                                                           5

 

XVI - FALTAS

 

-  Verifique o calendário escolar e evite as faltas. O aluno deverá ter 75% de presença nas aulas, conforme o calendário escolar de 200 dias letivos. Lembre-se de que as faltas no período vespertino também são contadas e lançadas no boletim.  

-  Se o aluno falta por motivos de sua condição de saúde, deve apresentar atestado médico, que não abona as faltas, mas justifica-as.

 

 

XVII - Simulado

 

O simulado propõe questões objetivas nas disciplinas de Língua Portuguesa, na frente de Análise Linguística e Interpretação Textual, de Matemática, na frente de Álgebra, de História, Geografia, Ciências e de Língua Inglesa).

Serão aplicados dois simulados bimestrais, ao fim de cada bimestre, nas disciplinas acima mencionadas no parágrafo anterior. Ao término de cada bimestre, os alunos das turmas de 6ª à 9ª série serão avaliados também por seus desempenhos nos simulados.

 As provas de simulado serão ministradas conforme o cronograma entregue pela coordenação. Sua nota valerá de zero a dez (seu peso é 1), compondo a nota do bimestre junto das provas, o que corresponderá a 80% da média final.

O aluno que faltar deverá apresentar atestado médico ou pagar a taxa de segunda chamada para ter direito a fazer o simulado que perdeu. A nota do bimestre será composta por CTDA 20%, pelas provas semanais e a nota do simulado, que correspondem a 80 % da nota final.

 

 

XVIII – REUNIÃO ENTRE PAIS E MESTRES

 

           No início do ano há uma reunião geral entre responsáveis pelos alunos de 6ª à 9ª série, professores de todas as disciplinas, membros da coordenação, orientadores e a equipe da direção. Nesse encontro são apresentadas as regras da escola e a dinâmica do Ensino Fundamental II.

         Ao fim de cada bimestre, há uma reunião para a entrega dos boletins, quando o atendimento é particular e aos responsáveis. Quando necessário, os responsáveis podem solicitar um encontro particular à coordenação e à direção.

 

XIX – Semana de Arte e Literatura

       - Os trabalhos desenvolvidos na disciplina de Arte ao longo do ano, nas aulas práticas, serão apresentados na Semana Cultural, para apreciação dos pais e familiares, na antessala do auditório da Escola Máxima.

- Os trabalhos desenvolvidos em Língua Portuguesa em parceria com a disciplina de Informática também serão apresentados nessa semana, na exibição, ao público da comunidade escolar, de cordéis, peças teatrais baseadas nas leituras dos livros paradidáticos, de paródias musicais, além do lançamento da revista Potência Máxima.

- Os cartazes das poesias também são de parceria das disciplinas de Língua Portuguesa e Informática. A Língua Portuguesa trabalhará, ao longo do ano, textos, canções, poesias e peças teatrais. O resultado desses trabalhos é exibido no sarau. Trata-se de um exercício das habilidades de expressão corporal e discursiva. Treinam-se aspectos como sequência textual, coerência, comunicação, oralidade e dramatização.

 

XX – Atividades Culturais

 

       A fim de que todos os educandos encontrem oportunidade de participar suas expressões artísticas e/ou criativas, relacionando-se com colegas e o corpo docente para seu desenvolvimento pessoal e social, exercitando habilidades diferenciais.

-  Hino Nacional: atividade quinzenal, realizada no início da primeira aula, na quadra de esportes, com todos os alunos reunidos para cantarem o hino nacional brasileiro, desenvolvendo o espírito cívico.

-  Jogos Interclasses: atividade de prática esportiva relacionada à disciplina de Educação Física.

-  Feluma: feira de livros usados da Máxima, vinculada à disciplina de Língua Portuguesa.

Festa Junina da Solidariedade: ajuda a instituições beneficentes. A participação do aluno, durante os ensaios e no dia da festa, será considerada como nota do segundo bimestre em Educação Física. O aluno que não participar desta atividade será avaliado em atividades e trabalhos estipulados pelo professor de Educação Física.

-  Dia do Estudante e Festival Cultural: atividade para a apresentação dos talentos dos alunos e professores, comemora-se o dia do estudante com músicas e danças.

-  Festa Temática: para as turmas da 7ª, 8ª e 9ª série, momento especial de descontração e dança.

-  Passeio à Chácara Máxima: dia de lazer na chácara de nossa escola.

-  Gincana Cultural: envolve professores e alunos em tarefas práticas, teóricas e arrecadação de alimentos para serem distribuídos por instituições beneficentes da nossa cidade.

-  Feira de Ciências da Natureza e Robótica: desenvolvida junto aos alunos de 6ª à 9ª série, na disciplina de Ciências em parceria com os alunos da Oficina de Robótica, a fim de apresentar os resultados finais dos projetos trabalhados ao longo do ano letivo.

-  Exposição da Oficina de Matemática: desenvolvida com os alunos de 6ª à 9ª  que optarem por fazer a oficina, a fim de apresentar os trabalhos que forma desenvolvidos nestas aulas.

-  Conclusão da 9ª Série: semana de atividades extras no pátio da escola e de confraternização pela despedida da escola e do Ensino Fundamental. Há um baile que envolve custos e os alunos podem escolher dele participar ou não.

Importante: Mesmo participando de todos os eventos de despedida da 9ª série, se o estudante não alcançar a média anual de 7,0 (sete) pontos, em cada disciplina, ao fim do ano letivo, ele terá direito ao Exame Final e pode ser reprovado se não fizer a devida pontuação.  

 

XXI – AUDITÓRIO

            Espaço da Escola Máxima reservado para o acolhimento de eventos culturais (reuniões  e estudos de nossa equipe, apresentações dos grupos de canto coral, de teatro, cerimônia de formatura, de palestras e outros). A utilização deste espaço exige respeito, cuidado e preservação. Não serão permitidos alimentos e bebidas no local.

 

XXII – EDUCAÇÃO INCLUSIVA

 

           A escola atende aos alunos com necessidades educacionais especiais, conforme a dificuldade de cada um. Os professores e a equipe pedagógica são orientados por especialistas e acompanhados, diariamente, pela orientação, coordenação e pela direção, além de receberem apoio do setor de Psicologia da escola quando necessário. O atendimento especial só será possível mediante laudo médico e em consonância com os responsáveis pelo estudante.

 

XXIII – ATENDIMENTO PSICOLÓGICO

 

      As psicólogas escolares desenvolvem atividades direcionadas junto aos alunos, aos professores e funcionários e atuam cooperando com os trabalhos da direção, da coordenação pedagógica, da orientação educacional e de familiares e profissionais que acompanham os alunos fora do ambiente escolar (terapeutas, neurologistas, psicopedagogos, fonoaudiólogos, outros). Este atendimento pode ser solicitado pelo professor, pela coordenação ou espontaneamente pelo aluno.

ATENÇÃO!

 

Por meio do portal Sophia, alunos e pais poderão ter acesso aos cronogramas (de aula, plantões, esportes e provas), às tarefas semanais, ocorrências disciplinares e outras informações. O login e a senha para acesso serão fornecidos pela escola. É necessário que os senhores responsáveis façam seus cadastros para receberem os e-mails.

- A escola também disponibilizará as notas no portal Sophia.

É importante que os alunos e seus responsáveis tomem conhecimento das regras e combinados mencionados neste manual, a cooperação entre familiares e a equipe da escola é fundamental para o bom desempenho dos estudantes em seus processos de aprendizado.

- Quando necessário, a coordenação entrará em contato com os responsáveis por telefone ou solicitando suas presenças na escola.

 

           

 

            É necessário garantir-se uma relação de cooperação entre a família e a escola, para o sucesso de uma aprendizagem qualitativa pelo aluno. Sendo assim, estamos à disposição para desenvolvermos juntos um ano proveitoso.

Esperamos que 2018 seja um ano repleto de desafios, sucesso e de muitas conquistas!

Nenhuma imagem cadastrada.